O Calendário Chinês

A cada ano chinês temos a regência de um Ramo Terrestre e um Tronco Celeste, com um total de 60 combinações. No dia 9 de fevereiro de 2016 iniciou o Ano do Macaco de Fogo.
O Ano Novo Chinês não tem uma relação direta com o ano novo do calendário gregoriano ocidental. O calendário chinês utiliza tanto o sol, a lua, como base de seus cálculos de uma forma muito interessante. A princípio temos 12 luas, num total de 354 dias, mas para não perder a sincronia com o ciclo solar são acrescentados em alguns anos uma lua a mais.
O Ano Novo Chinês é comemorado na segunda lua nova após o solstício de 23 de dezembro.
Essa época é sempre um bom marco para fazermos o balanço do ano que passou e reavaliar nossas posturas e experiências. É um bom momento para fazer uma limpeza energética liberando espaço físico e emocional, doando o que já não nos interessa ou não nos é útil. É importante liberar espaço em nossas vidas e em nossas mentes para que haja espaço para o novo.
Essa também é uma ótima época para agradecer os bons momentos com as pessoas especiais que temos em nossas vidas e comemorar por mais uma possibilidade de recomeços.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Astrologia Chinesa: 2018 O Ano do Cachorro de Terra

O Relógio Cósmico

Benefícios do Escalda - Pés